Categorias
Jardim

+100 Tipos de Suculentas: Identifique, Aprenda a Cultivar e Ideias de Arranjos

Você conhece todos os tipos de suculentas? Sabe identificá-las? Sabe todos os arranjos que pode fazer e como cultivá-las? Aprenda tudo aqui, nesse artigo.

Você conhece todos os tipos de suculentas? Sabe identificá-las? Sabe todos os arranjos que pode fazer e como cultivá-las?

Neste artigo eu vou te mostrar mais de 100 tipos de suculentas para que você consiga identificar suas plantas, suculentas raras e comuns. Além disso, há várias ideias legais para utilizá-las e diversas dicas sensacionais.

Continue a leitura e maravilhe-se!

O que significa a planta suculenta?

As plantas suculentas possuem a capacidade de armazenar mais água do que outras plantas, por isso elas conseguem sobreviver em ambientes rústicos e quentes, como os cactos.

Os cactos são um tipo de suculenta, porém, neste artigo, não trataremos sobre eles, faremos isso em outra oportunidade.

Essa capacidade de reter água não está presente apenas nas folhas, a água pode ser armazenada também no caule, tronco e algumas espécies conseguem reter até mesmo nas raízes.

Quais arranjos posso fazer utilizando suculentas?

Mini jardim de suculentas

Fonte: Dicas Práticas

Fonte: Tua casa

Fonte: Casa e festa

Fonte: Jardim no pote

Jardim de suculentas

Fonte: World of Succulent

Fonte: DigsDigs

Fonte: World os Succulents

Fonte: Vida Suculenta

Fonte: HomeBNC

Fonte: HomeBNC

Vasos de suculentas

Encontre vários vasos decorativos como os da imagem acima em nossa loja virtual:

Vasos Decorativos

Arranjos com suculentas

Fonte: HomeBNC

Fonte: HomeBNC

Encontre a gaiola decorativa em nosso site: Gaiola Decorativa

Gaiola Decorativa

Fonte: Fonte: Dulce Jardins e Arte

Jardim vertical de suculentas

Fonte: Vida Suculenta

Fonte: Fleurieu Gifts

Fonte: Harvest to home

Aprenda a fazer terrários e lindos mini jardins

Se você gostou das ideias para utilizar suculentas mostradas neste artigo, você vai simplesmente A-D-O-R-A-R o que vou mostrar agora.

Quer aprender de verdade a fazer lindos terrários, mini jardins e utilizar as suculentas com seu potencial máximo e ainda, quem sabe, ganhar dinheiro com isso?

Veja só essa novidade da Bela Suculenta:

Veja alguns dos trabalhos feitos por Isabel (Bela Suculenta):

Suculentas raras

Como você verá através desse artigo há centenas de tipos de suculentas.

Algumas dessas plantas apresentam algumas características particulares que as tornam muito diferentes.

Essas plantas quando não são encontradas com facilidade e são difícies de cultivar são chamadas de raras e as vezes de não comuns.

Nesse tópico eu gostaria de mostrar algumas dessas suculentas raras:

Conophytum subglobosum

Fonte: Pinterest

Adromischus cooperi ‘Plover Egg’

Fonte: Youngs Garden Shop Succulents

Faucaria Tuberculosa “Pebbled Tiger Jaws”

Fonte: Etsy

Aloinopsis luckhoffii

Fonte: Etsy

Aprenda a identificar e a cultivar cada gênero

Agave spp.

Uma das maiores espécies de suculentas, apesar do seu crescimento demorado.

Pode levar de 10 a 50 anos para florescer.

Na época de floração, solta um cacho de flores do centro da roseta. Possui folhas em forma de espada, com bordas brancas em algumas espécies.

Como cultivar

A suculenta agave prefere luz solar direta por quatro horas diárias, pelo menos, ou indireta forte, ou seja, é bem resistente ao calor.

Para irrigar, deixe o solo ficar seco, com exceção no inverno, período em que se deve molhar apenas o suficiente para que as folhas não ressequem.

Para preparar o solo, utilize uma parte de terra de boa qualidade, uma parte de composto orgânico, uma de areia grossa e meia parte de carvão vegetal em pedacinhos bem pequenos.

Antes de replantar (15 dias antes), para cada litro de substrato utilize uma colher de café de calcário dolomítico e a mesma medida de farinha de ossos.

Ou você pode simplesmente pegar uma terra de boa qualidade e usar o adubo orgânico do tipo bokashi.

Veja algumas espécies de suculenta Agave:

Agave americana f. medio-picta alba
Agave americana f. medio-picta alba
Agave angustifolia marginata
Agave angustifolia marginata
Fonte: Determinar plantas
Agave attenuata
Agave attenuata ( Agave Dragao)
Fonte: Tirol Plantas
Agave bovicornuta
Agave bovicornuta
Fonte: Agaveville
Agave bracteosa
Agave bracteosa
Agave celsii
Agave celsii
Fonte: cactofili.org
Agave filifera
Agave filifera
Fonte: Debra Lee Baldwin
Agave geminiflora
Agave geminiflora
Fonte: Impact plants
Agave macroacantha
Agave macroacantha
Fonte: Giromagi
Agave tequilana
Agave tequilana (Agave azul)
Agave horrida
Agave horrida
Fonte: World of Succulentas
Agave victoriae reginae
Agave victoriae reginae
Fonte: Annie’s Annuals and Perennials

Agave stricta
Agave stricta
Agave vilmoriniana
Agave vilmoriniana
Fonte: Pinterest
Agave ‘Kichiokan’
Agave ‘Kichiokan’

Aloe spp.

Esse gênero de suculenta tem uma espécie bem conhecida, a famosa babosa (Aloe vera).

Planta amplamente utilizada na indústria de cosméticos.

As Aloe florescem geralmente no inverno.

Como cultivar

A forma de cultivo se assemelha a da agave.

Luz do sol direta por quatro horas diárias, ou indireta de forma bem forte.

Irrigue apenas quando a terra estiver quase seca. No inverno, deve-se molhar apenas o suficiente para que as folhas não ressequem.

Solos arenosos são melhores para cultivar essa planta.

Aloe aristata

Aprenda mais informações sobre ela no vídeo:

Aloe brevifolia
Aloe brevifolia
Aloe erinacea
Aloe erinacea
Fonte: Debra Lee Baldwin
Aloe glauca
Aloe glauca
Aloe humilis

Aloe juvenna

Veja mais informações sobre a Aloe juvenna aqui:

Aloe vera
Aloe vera

Veja mais informações sobre a suculenta Aloe vera no vídeo abaixo:

Aloe nobilis
Aloe nobilis
Fonte: Wolrd of succulents
Aloe variegata
Aloe variegata

Crassula spp.

Essas suculentas crescem rapidamente e podem alcançar até 70 cm de comprimento.

Possuem folhas lisas, redondas ou ovais.

A Crassula arborescens tem folhas com pontos vermelhos, já a Crassula argentea são manchadas de branco, amarelo, laranja, rosa, vermelho ou até mesmo púrpura.

Antes de replantar (15 dias antes), para cada litro de substrato utilize uma colher de café de calcário dolomítico e a mesma medida de farinha de ossos.

Ao plantar, acrescente 1/2 colher café de superfosfato simples.

Crassula arborescens ‘Silver Dollar’
Crassula arborescens “Silver Dollar”
Crassula ‘Baby’s Necklace’
Crassula falcata (variedade folha longa)
Crassula mesembryanthemoides

Crassula ovata

Crassula ovata ‘Gollum’
Crassula ovata ‘Gollum’
Fonte: Debra Lee Baldwin

Algumas observações sobre essa planta são válidas, pois 99% das pessoas a confundem com a variedade ‘Hobbit’ ou a ‘ET’s fingers’ (Dedo de ET).

A Crassula ovata ‘Gollum’ possui folhas mais tubulares e um avermelhado nas pontas.

É conhecida como “Orelha de Shrek”:

Acho que já deu pra entender o motivo, certo?

Crassula ovata ‘hobbit’

Essa variedade tem as folhas um pouco mais abertas do que a anterior, como no formato de uma colher.

Além disso, tendem a ter uma pequena depressão na parte de trás da ponta da folha.

Crassula ovata ‘E.T.’s fingers’
Crassula ovata ‘E.T.’s fingers’
Fonte: Taylor Greenhouses

Essa Crassula é semelhante às duas outras cultivares anteriores, ‘Gollum’ e ‘Hobbit’.

A E.T.’s fingers (Dedo de ET) possui suas folhas com curvatura mais acentuada do que as outras, quase que fechada na extremidade e é um pouco menor do que as anteriores.

Crassula perforata
Crassula perforata
Fonte: Mountain Crest Gardens
Crassula rupestris
Crassula rupestris
Fonte: Succulents Ireland

Echeveria spp.

Suculenta que produz rosetas de 5 a 10 cm de diâmetro

De tempos em tempos solta pedúnculos com flores amarelas, alaranjadas, rosa ou vermelhas.

Como cultivar

A suculenta echeveria prefere luz solar direta por quatro horas diárias, pelo menos, ou indireta forte.

Para irrigar deixe o solo ficar quase seco, com exceção do inverno, onde deve-se molhar apenas o suficiente para que as folhas não ressequem.

Propaga-se por estacas de folha ou caule.

Echeveria ‘Afterglow’
Echeveria ‘Afterglow’
Fonte: dallavita
Echeveria agavoides ‘Lipstick’
Echeveria agavoides ‘Lipstick’
Fonte: National Gardening Association
Echeveria Alta May
Echeveria Alta May
Echeveria ‘Arctic Ice’
Echeveria ‘Atlantis’
Echeveria ‘Azulita’
Echeveria ‘Azulita’
Fonte: Garden Tags
Echeveria affinis ‘Black Knight’
Echeveria affinis ‘Black Knight’
Fonte: Reddit
Echeveria ‘Black Prince’

A Echeveria ‘Black Prince’ é uma planta híbrida, resultado do cruzamento da Echeveria affinis (A planta anterior) com a Echeveria shaviana, por isso é parecida com a Echeveria affinis.

Porém, apesar da semelhança há várias diferenças. A Black Prince tem uma coloração mais para o marrom e não para o preto.

Outra diferença está no formato das folhas, elas são um pouco mais gordinhas, assemelhando-se mais com as outras plantas desse gênero em contrapartida a Echeveria affinis possui as folhas no formato de uma espada.

Echeveria Blue Elf

Echeveria ‘Blue Sky’
Echeveria ‘Blue Sky’
Fonte: Jansnotsosuccylife Peaceofsucculents
Echeveria ‘Brow Rose’

Echeveria bustamante

Echeveria ‘Cante’
Echeveria ‘Chroma’
Echeveria ‘Colorshift’
Echeveria ‘Colorshift’
Fonte: Natalie Trevino-Hettena
Echeveria cupid

Echeveria desmetiana
Echeveria desmetiana

Temos a suculenta Echeveria desmetiana para venda em nossa loja virtual:

Echeveria dionysos

Echeveria ‘Dondo’
Echeveria ‘Dondo’
Fonte: World of Succulents
Echeveria ‘Doris Taylor’
Echeveria ‘Doris Taylor’
Fonte: Planet Desert
Echeveria elegans
Echeveria elegans
Fonte: Eastern Leaf
Echeveria funkii
Echeveria funkii
Fonte: Alison Watson
Echeveria ‘Fireball’
Echeveria ‘Fireball’
Fonte: International Crassulaceae Network
Echeveria glauca
Echeveria glauca
Fonte: Paraíso das suculentas
Echeveria harmsii
Echeveria harmsii
Echeveria imbricata
Echeveria imbricata
Fonte: Anxious garden
Echeveria lauii
Echeveria lauii

Mais detalhes sobre essa planta no vídeo abaixo:

Temos a suculenta Echeveria lauii para venda em nossa loja virtual:

Echeveria lilacina
Echeveria lilacina

Veja maiores informações sobre a Echeveria lilacina no vídeo abaixo:

Temos a suculenta Echeveria lilacina para venda em nossa loja virtual:

Echeveria lindsayana
Echeveria lovely rose
Echeveria lutea

Veja maiores informações sobre essa suculenta no vídeo abaixo:

Echeveria madiba

Echeveria nichi

Echeveria nodulosa
Echeveria nodulosa
Echeveria Purpusorum Shallow

Echeveria pier

Echeveria Pink Donna

Echeveria ‘Princess Blue’
Echeveria ‘Princess Blue’
Echeveria pulidonis
Echeveria pulidonis
Fonte: Etsy
Echeveria pupusorum
Echeveria pupusorum
Echeveria ‘Rippling Waters’
Echeveria ‘Rippling Waters’
Fonte: 3GEN House of Plants
Echeveria ‘Rippling Waters’ variegata
Echeveria Rubella

Echeveria Sara Hime Botan
Echeveria scorpion

Echeveria setosa ‘Deminuta’
Echeveria setosa ‘Deminuta’
Fonte: Kakteen Shop
Echeveria taurus

Gasteria spp.

As gastérias são suculentas com folhas em forma de “língua”.

Como cultivar

A maior parte das espécies de Gasteria spp. preferem crescer em meia sombra, ou seja, devem ser protegidas do sol direto.

As plantas gostam de um solo bem drenante e a planta deve ficar bem firme dentro do vaso.

Pode ser propagada em qualquer estação através das sementes, estacas de galho ou brotos novos.

Gasteria armstrongii
Gasteria armstrongii
Fonte: Cactusloft
Gasteria batesiana
Gasteria batesiana

Gasteria bicolor
Gasteria bicolor

Gasteria bicolor var. liliputana
Gasteria bicolor v. liliputana
Fonte: World of Succulents

Gasteria glomerata
Gasteria glomerata
Fonte: Mountain Crest Gardens

Gasteria maculata
Gasteria maculata
Fonte: Hirt’s Gardens
Gasteria carinata var. verrucosa
Graptoveria spp.
Graptoveria ‘Inti Platense’

Haworthia spp.

Formam pequenas rosetas de 7 a 15 cm de diâmetro, com folhas que se dobram sobre si mesmas.

As suculentas desse gênero são pequenas, e as espécies são endêmicas do sudeste da África.

Como cultivar

Quase todas as espécies desse gênero se adaptam bem a meia-sombra, com solo extremamente drenante.

Haworthia attenuata
Haworthia attenuata
Fonte: Uhlig Kakteen
Haworthia batesiana
Haworthia batesiana

Haworthia bayeri
Haworthia bayeri
Fonte: Ünal Kaktüs
Haworthia bolusii
Haworthia bolusii
Haworthia limifolia
Haworthia limifolia

Haworthia nigra
Haworthia nigra
Fonte: Awavi
Haworthia papillosa
Haworthia papillosa
Fonte: Esoticando
Haworthia retusa
Haworthia retusa
Fonte: Succulent Market

Veja maiores informações sobre essa suculenta no vídeo abaixo:

Haworthia venosa var. tessellata
Haworthia venosa var. tessellata
Fonte: Manufiwa
Haworthia truncata
Haworthia truncata
Fonte: World of Succulents

Kalanchoe spp.

São conhecidas pela coloração característica de suas folhagens. A K. daigremontiana possui folhas verde-azuladas manchadas de púrpura.

Nas bordas denteadas surgem pequenas réplicas da planta.

Já a K. tomentosa é coberta por pêlos prateados, com penugem marrom nas bordas.

Produz flores brancas, rosa, vermelhas ou amarelas.

Como cultivar

A forma de cultivo é semelhante a das outras suculentas descritas.

Propaga-se por estacas de caule, folha ou novos rebentos.

Kalanchoe beharensis ‘Fang’
Kalanchoe beharensis ‘Fang’
Fonte: Roraima Nursery

Para maiores informações sobre o Kalanchoe beharensis ‘Fang’ , aperte o play:

Kalanchoe blossfeldiana
Kalanchoe blossfeldiana
Fonte: Garden Manage

Kalanchoe bracteata
Kalanchoe bracteata
Kalanchoe delagoensis
Kalanchoe delagoensis
Fonte: World of Succulents
Kalanchoe eriophylla
Kalanchoe eriophylla
Fonte: Cactus Plaza
Kalanchoe fedtschenkoi
Kalanchoe humilis
Kalanchoe humilis

Kalanchoe laetivirens
Kalanchoe laetivirens

Kalanchoe luciae
Kalanchoe luciae
Kalanchoe marmorata
Kalanchoe marmorata
Kalanchoe orgyalis (Colher de cobre)
Kalanchoe sexangularis
Kalanchoe tomentosa

Também conhecida como orelha-de-gato e por suculenta soldado de chocolate, a Kalanchoe tomentosa é uma planta muito fácil de ser cultivada e difícil de matar.

Conheça tudo sobre essa planta em nosso artigo completo: Como cultivar Kalanchoe tomentosa (Orelha-de-gato)

Kalanchoe tomentosa

Portulacaria spp.

Portulacaria Afra Tricolor

Sedeveria spp.

Sedeveria letizia

Senecios spp.

Senecio herreianus (Colar de azeitona)

Senecio peregrinus – Colar-de-golfinhos
Senecio peregrinus (Colar de golfinhos)
Senecio radicans (Colar de bananinha)

Senecio rowleyanus
Senecio rowleyanus 

Senecio kleiniiformis
Senecio kleiniiformis
Fonte: Plantas flores
Senecio barbertonicus
Senecio barbertonicus
Fonte: Etsy

Sedum spp.

Plantas com folhas pulverulentas em forma de lágrima, que se justapõem em caules pendentes de até 45 cm de comprimento.

Como cultivar

Siga as mesmas instruções de luz, rega e preparo da terra de plantio usadas para agave.

Fertilize três vezes por ano: no início e no fim da primavera e no fim do verão.

Como as folhas são muito quebradiças, por isso deve-se ter cuidado no manuseio.

Propaga-se em qualquer estação, introduzindo-se na areia a parte inferior de uma folha inteira.

Sedum adolphii
Sedum adolphii
Fonte: Hirt’s Gardens
Sedum anacampseros
Sedum anacampseros
Fonte: AllgäuStauden
Sedum burrito
Sedum burrito ou Sedum morganianum
Fonte: Greensouq
Sedum cuspidatum
Sedum furfuraceum
Sedum furfuraceum
Sedum hernandezii
Sedum hernandezii
Sedum hintonii
Sedum hintonii
Sedum humifusum
Sedum humifusum
Fonte: Succulents Ireland
Sedum oreganum
Sedum oreganum
Sedum rubrotinctum
Sedum rubrotinctum

Sedum stefco
Sedum stefco

Curiosidade: Você conhece a maior suculenta do mundo?

Adansonia digitata

Essa é a maior suculenta do mundo. Pode chegar até 28 metros de altura, mas geralmente possuem até 25 metros de comprimento.

Planta nativa da África

Como cultivar

Suculenta fácil de ser cultivada através de sementes, mas são raras de se encontrar.

A germinação demora de 2 a 6 semanas.

Deve ser cultivada em solo arenoso, e a terra deve ser bem fértil para melhor crescimento.

Adansonia digitata
Fonte: BBC

Conclusão

Através desse artigo você será capaz de identificar mais de cem tipos de suculentas, sejam elas comuns ou raras.

Mostro também arranjos com suculentas com várias ideias super legais para você utilizar em sua casa,

Se não souber como fazê-los, há uma oportunidade única para adquirir o curso da “Bela suculenta“, uma profissional conhecida e reconhecida no universo das suculentas.

Além disso, mostro como cultivar cada gênero com vídeos aprofundados sobre várias espécies mostradas.

Por Gilberto Cardoso

Olá! Meu nome é Gilberto e sou o fundador do Pergunte ao Agrônomo. Nesse site você encontrará vários artigos completos e com uma linguagem simples,para que tenha plantas sempre bonitas em sua casa. Sou formado em Agronomia pela UFV, especialista em Agronegócios e orquidófilo por mais de 15 anos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Sair da versão mobile