Pontuação dos leitores
[Total: 8 Média: 5]

A planta que iremos conhecer nesse artigo é muito famosa por sua beleza em jardins verticais e dentro de residências.

Os nomes populares Jiboia ou Hera-do-diabo podem parecer estranhos, mas a planta possui folhagens únicas e muito atrativas.

O nome Hera-do-diabo é pela alta capacidade de crescimento tanto que pode se tornar invasiva, até mesmo em locais muito desfavoráveis para ela.

Além disso, temos o apelido Jiboia, vou falar mais sobre a origem desse apelido mais à frente, algumas pessoas dizem que por ser uma trepadeira muito forte, por vezes a planta com seus grossos caules podem enforcar a árvore onde ela se apoia, assim como a cobra jiboia.

Já adianto que há controvérsias, e eu não acredito nesse fato. Logo mais você entenderá o motivo.

Vou te ensinar também a cuidar da planta Jiboia, mostrarei formas de utilizá-la, os tipos de Jiboia existentes, se é uma planta venenosa e vários outros assuntos muito interessantes.

Continue a leitura para saber mais.

source

Índice hide

Origem

Como de costume nos artigos do Pergunte ao Agrônomo, faço uma pequena introdução sobre a planta, contando um pouco de sua origem, seu habitat. Isso é útil para que você entenda a Jiboia um pouco melhor.

Populramente conhecida por Jiboia e Hera-do-diabo, a planta cujo gênero botânico é Epipremnum possui várias espécies. Nesse artigo falarei mais especificamente sobre o Epipremnum aureum, mas farei uma pequena introdução sobre o Epipremunm pinatum.

O Epipremunm pinnatum é conhecido por ser nativo das Ilhas Salomão.

ilhas salomao
Ilhas Salomão
Fonte: Amino

Porém, esse não é o único local onde essa planta é nativa. Ela pode ser encontrada na região Tropical e subtropical, da Ásia ao Pacífico, como por exemplo em: Borneo, Cambodia, sul e sudeste da China, Índia, Nova Guiné, Filipinas, Tailândia e outros locais.

Além disso, ela foi introduzida na Colômbia, Porto Rico, Haiti, República Dominicana, Ilhas de Sotavento e nas Ilhas de Barlaventoonde, onde poderá ser encontrada vegetando nas florestas.

Veja o mapa dessas regiões:

Em verde você verá a região onde ela é nativa. Em roxo a região onde foi introduzida.

jiboia nativa
Fonte: Plants of the World Online

Seu habitat natural é de florestas tropicais e florestas montanhosas. Encontrada como trepadeira em árvores, rochas ou paredes de pedra.

O Epipremnum aureum é nativo de Moorea, uma ilha da Polinésia Francesa.

moorea
Moorea
Fonte: Booking

Observação: Já deu para notar o que essas duas espécies têm em comum, certo? As duas vieram de locais simplesmente exuberantes!

O Epipremnum aureum foi introduzido nas florestas de vários locais, inclusive do Brasil.

Em roxo todas as regiões onde a planta foi introduzida.

Epipremnum aureum
Fonte: Fonte: Plants of the World Online

Alguns dos locais do mapa são: Assam, Bangladesh, Bermuda, Nordeste do Brasil, Sudeste do Brasil, Equador, Haiti, Havaí, Índia, Costa do Marfim e outros.

Seu habitat natural são florestas úmidas, 500 metros acima do nível do mar.

A planta Jiboia mata outras plantas?

Muitas pessoas tentam justificar o nome dado à planta pelo método que a cobra jiboia utiliza para matar suas presas. A cobra jiboia mata suas presas enrolando-se nelas e apertando, interrompendo a circulação sanguínea dos animais.

As pessoas acreditam que a planta jiboia faz a mesma coisa quando sobe nas árvores, o que na minha opinião não corresponde a verdade, ou pelo menos não inteiramente.

Provavelmente a planta jiboia já matou alguma planta dessa forma, mas pegar a exceção e aplicar como regra é algo que eu não acho correto.

Se a planta começar a subir em uma árvore jovem demais, isso poderá ocorrer sim. Já que a jiboia se desenvolveria mais rapidamente e teria seu caule muito mais resistente. O caule ainda frágil da árvore já teria o caule da planta jiboia em seu entorno, por isso a medida que a árvore fosse crescendo, ela seria estrangulada pouco a pouco.

Já viram aquela cena de uma árvore crescendo no meio de uma cerca?

Esse seria o efeito causado pela planta. Não foi a jiboia que começou a apertar a planta e sim a planta cresceu onde a jiboia já estava fixada.

Além do mais, o apelido “jiboia” pode ter outro motivo. O aspecto do caule mais velho da planta na árvore, se assemelha a uma cobra. A cobra jiboia possui hábito  semiarborícola (vive sobre árvores e no solo, bem como a planta).

caule da jiboia
Caule da Jiboia subindo na árvore

Sendo assim, a Jiboia matar alguma árvore é algo raro de acontecer e em situações muito específicas, até mesmo porque, se assim não fosse eu não teria as fotos presentes nesse artigo.

caule da jiboia na árvore
Caule da Jiboia crescendo na árvore

Como cuidar da planta Jiboia

Sabe aquela pessoa que não consegue cultivar nenhuma planta? Que já tentou de tudo e nada sobrevive nas mãos dela? Então, os cactos e as orquídeas não são os únicos resistentes a cuidados inadequados, a Jiboia também é.

Apesar de sobreviver em situações adversas, se você a cultivar corretamente terá uma planta muito mais vistosa e saudável, por isso não perca as dicas desse artigo.

A jiboia pode ser cultivada tanto fora de casa quanto dentro de casa, mesmo em locais mais sombreados.

Não sabe como deixar a sua Jiboia bonita? Siga as dicas abaixo!

Como regar a planta Jiboia

Você deve deixar o solo secar por completo para efetuar uma nova irrigação. Deixar as raízes sempre úmidas (em vasos com terra) pode ocasionar o apodrecimento delas.

Faça aquele famoso teste com o dedo. Enterre o dedo na terra, se sentir que está seco ou se o dedo saiu praticamente limpo, quer dizer que a terra já está seca.

Se não quiser sujar seus dedos, você pode esperar a planta falar com você quando irrigar.

Assustado Anapaulapadrao GIF by MasterChef Brasil

Calma, não é nada demais. A planta quando está com falta de água perde umidade em suas folhas, isso faz com que as folhas murchem. Quando você vir que as folhas estão começando a ficar amolecidas, é a hora de irrigar novamente.

Atenção, não deixe a planta chegar em um estado de muita deficiência hídrica, pode ser irreversível.

Como regar a planta Jiboia dentro de casa?

Dentro da residência você pode precisar irrigar sua planta muito menos do que imagina. A depender do local que ela se encontra, pode passar semanas sem água. Duvida? Imaginem sua planta em um banheiro, recebendo todos os dias aquele vapor de água e tendo o ambiente úmido quase todos os dias, por pelo menos um período de tempo.

Com a umidade do local a planta durará muito mais tempo sem precisar ser irrigada.

Além do substrato, veja se as folhas não estão murchas ou mostrando sinais de desidratação.

Temperatura ideal

A temperatura ideal para a planta Jiboia é entre 15-30º C.

A planta por ser bastante resistente, consegue suportar temperaturas ainda mais baixas ou mais altas do que a ideal para elas, porém ela pode não se desenvolver adequadamente.

A hera-do-diabo deve ser mantida longe de correntes de ar mais frias, como janelas e portas durante o inverno.

Luminosidade

A planta jiboia é uma das mais utilizadas para plantas de interior, ou seja, plantas que são cultivadas dentro de casa.

Com isso você pode supor que é uma planta que não necessita de muita iluminação de forma direta e tolera locais mais sombreados.

Apesar de conseguir sobreviver em locais assim, ter certa iluminação indireta é muito importante para que a planta possa crescer melhor.

Onde colocar a planta Jiboia?

Melhor do que escrever os locais onde a planta pode ficar será mostrar para vocês alguns exemplos, certo?

– Planta jiboia dentro de casa

planta jiboia fora de casa 12

– Planta jiboia dentro de casa em um suporte

– Planta jiboia pendurada na sala

planta jiboia dentro de casa 3 1
Fonte: Reddit

– Planta jiboia em cima de uma mesa no interior da casa

jiboi como enfeite de mesa
Fonte: Greener House Nursery

– Planta jiboia enfeitando a sala

– Planta pendurada

planta jiboia pendurada
Fonte: Lily’s Indoor Jungle – blogger

– Parede vertical com a planta jiboia

planta jiboia dentro de casa 5
Fonte: Houzz

– Plantas penduradas na sala (Nessa foto há filodendruns, mas o aspecto é o mesmo)

planta jiboia dentro de casa 6
Fonte: Indoor Plants World

– Jardim vertical com plantas perto da janela de vidro

  • planta jiboia dentro de casa 7 1
  • planta jiboia dentro de casa 8 scaled

– Planta jiboia em uma estante e formando uma parede vertical

jiboia parede vertical
Fonte: Migno Decor

– Planta entre ambientes da casa

planta jiboia dentro de casa 9
Fonte: Gardening Know How

– Planta na cozinha

planta jiboia fora de casa 13

– Jiboia no jardim

planta jiboia fora de casa 10
Fonte: Florida Gardener

– Jiboia escalando a árvore

planta jiboia fora de casa 11
Fonte: Reddit

Pelas fotos já deu para ter uma ideia de como sua planta ficaria tanto dentro de casa, quanto fora de sua casa.

Ela se adapta muito bem tanto em ambientes com pouca luminosidade como banheiros e quartos mais escuros, quanto em ambientes de meia sombra, como varandas, sacadas, salas bem iluminadas.

Fora de casa, a planta irá se desenvolver muito mais, ficará com folhas maiores e elas podem englobar toda a árvore ou o local onde está.

Plantas dentro de casa possuem um crescimento mais lento e você poderá controlar de forma mais eficiente o tamanho da planta.

Solo ideal para plantar Jiboia

A jiboia é uma planta bem rústica e resistente, tolera terras bem ruins. Porém o ideal é que a terra de cultivo dessa planta seja bem drenada e rica em matéria orgânica.

Não escolha terras cuja água se acumulará dentro do vaso, terras muito compactadas ou muito argilosas.

Para melhorar a qualidade da terra você pode utilizar esterco ou o bokashi.

Como propagar a planta jiboia

A hera-do-diabo é uma planta bem fácil de propagar, ela consegue enraizar tanto na água quanto na terra.

Nesse artigo eu vou te explicar passo a passo tudo que você precisa observar e fazer para propagar essa planta.

A primeira coisa que deve observar é se a parte que vai cortar possui um nódulo de raiz. Isso é muito importante já que é de onde as raízes sairão.

Os nódulos são essas protuberâncias que saem do caule.

nódulos de raizes de jiboia
Nódulos de raízes
Fonte: All the Blue Day – blogger

Identificando esses nódulos você pode cortar sua jiboia de duas formas: Usando um caule maior ou cortando caules menores.

Caules maiores

Em caules maiores, o tamanho dependerá de você, corte deixando a partir de dois nós (aquela interseção onde as folhas saem) e tenha certeza que elas possuam nódulos de raízes.

O caule final ficará mais ou menos assim, como na foto abaixo:

Veja o método na prática no vídeo abaixo:

Caules menores

Esse método traz um aproveitamento muito maior da sua planta, fazendo mais mudinhas e a probabilidade de sucesso não é diferente da anterior.

Algumas pessoas ainda dizem que resolve aquele problema do amarelecimento das folhas quando estão fazendo mudas.

Você utilizará apenas um nó por planta, identifique a folha e corte um segmento entre ela. Como na imagem abaixo:

Epipremnum pinnatum 2

Cada segmento deve ter ao menos uma folha e um nódulo de raíz.

Onde colocar os cortes para enraizarem?

Não há segredos para o caule da jiboia enraizar. Como mencionado, você pode utilizar terra de boa qualidade ou água.

Se utilizar a água, o nódulo da raiz deve ficar submersa, e será necessário trocar a água a cada dois dias. Após as raízes surgirem, já poderá colocar no vaso de terra.

O enraizamento demora aproximadamente 3 semanas.

Importante: Após as raízes aparecerem na água ou se você for plantar diretamente na terra, não enterre completamente o caule, coloque apenas as raízes e parte do caule. Veja na foto abaixo como deve ficar:

plantar jiboia 2
Como plantar Jiboia
Fonte: Querida Planta

Na foto abaixo você também consegue ver partes do caule para fora do vaso. Isso vai evitar o apodrecimento deles e as folhas amarelarem.

plantar jiboia 3
Detalhe dos caules de Jiboia na terra
Fonte: Querida Planta

A planta Jiboia é venenosa?

Essa planta apesar de ficar linda em ambientes domésticos pode causar acidentes graves. Isso porque todas as partes da planta são tóxicas por conter cristais de oxalato de cálcio, semelhantes a outras plantas da família Araceae, cuja ingestão pode provocar irritação da boca e garganta, causando uma sensação de queimadura, além de salivação intensa, cólicas, vômitos, inchaço nos lábios, podendo também levar a óbito por asfixia devido à obstrução das vias aéreas.

Portanto, possui animais domésticos e crianças em casa? Tome cuidado. Plante sempre em algum local fora do alcance deles.

Erros de cultivo e problemas comuns da planta Jiboia

Agora que você já aprendeu a cuidar da sua planta e sabe praticamente tudo sobre ela, vou enumerar para você os principais problemas que as pessoas têm ao cultivá-la.

Folhas amareladas da jiboia

Esse é um problema muito comum quando o cuidado da pessoa é inadequado em relação a irrigação, mais especificamente pelo excesso de água. Ao se deparar com esse problema, diminua a frequência de irrigação de sua planta.

excesso de agua
Folhas amarelas na planta Jiboia
Fonte: Hometalk

Além disso, verifique se o solo está bem drenado e evite os pratinhos de água debaixo do vaso. Eles acumulam água, deixam a parte de baixo do vaso úmida além de ser um polo para o desenvolvimento do mosquito da dengue (Aedes aegypti).

folhas amarelas jiboia
Folhas amareladas na Jiboia
Fonte: Gardening Chores

Aguarde que a água dentro do vaso seque completamente antes de efetuar nova irrigação.

Importante dizer que eventualmente as folhas mais antigas de sua planta vão amarelecer e cair.

Caules apodrecendo

Assim como no caso anterior, a principal causa desse problema é o excesso de água. Siga as recomendações anteriores e retire os caules apodrecidos.

O excesso de água pode causar o apodrecimento das raízes e do caule, por isso pode ser necessário modificar o solo de sua planta e usar um novo e mais drenante.

Quedas drásticas na temperatura também podem resultar no apodrecimento de caules.

Folhas amarronzadas nas pontas

Isso pode ser o sintoma de alguma doença ou se a planta ficou muito tempo sem água. As folhas ficam com as bordas marrons, secas e quebradiças.

No caso de doenças, retire a parte afetada. Algumas doenças fúngicas são muito bem controladas por esse processo.

Caso o problema for pela falta de água, irrigue mais vezes sua planta.

Perda da variegação

Não é algo definitivo, mas as folhas da jiboia podem perder a variegação em determinadas situações. Se notar que folhas variegadas estão se tornando inteiramente verdes, isso pode significar que sua planta está com falta de iluminação.

Folhas variegadas jiboia
Folhas variegatas
Fonte: Trees.com

Uma vez que a iluminação é ajustada, a coloração variegada retorna.

Tipos de planta Jiboia

Marble Queen ou Jiboia mármore – Epipremnum aureum ‘Marble Queen’

Jiboia Marble Queen 1
Fonte: Culture South West

Golden Pothos ou Jiboia comum – Epipremnum aureum

Golden Pothos
Fonte: Planterina

Jade Green Pothos ou Jiboia Jade Verde – Epipremnum aureum ‘Jade’

Snow Queen Pothos ou Jiboia rainha da neve – Epipremnum aureum ‘Pearls and Jade’

Neon Pothos ou Jiboia neon – Epipremnum aureum ‘Neon’

Cebu Blue Pothos – Epipremnum pinnatum ‘Cebu Blue’

Conclusão

Ao ler esse artigo você foi capaz de aprender praticamente tudo sobre a planta jiboia.

Como mostrado nas fotos, essa planta fica simplesmente linda em ambientes internos, principalmente se estiver pendurada.

Você deve ficar muito atento aos primeiros sintomas de problemas. Todos eles serão facilmente corrigidos se forem contornados cedo. Não deixe sua planta quase morrer para fazer algo, ok?

Os sintomas das folhas amareladas na jiboia são muito comuns de ocorrer, por isso dê uma atenção especial para esse problema e juntamente com o controle da irrigação, veja se sua planta não necessita de uma boa adubação.

Para adubar você pode utilizar o adubo orgânico bokashi, ou até mesmo um fertilizante químico simples 10-10-10.

Lembre-se que a terra dessa planta não deve ser compactada, sempre utilize terra de boa qualidade e com bastante matéria orgânica.

Além disso, desmistifiquei a lenda da planta matar outras plantas estranguladas, acho que você mesmo conseguiu ver pelas fotos que se fosse uma verdade não haveria a planta nas árvores, certo?

Se você gostou do artigo, não esquece de compartilhá-lo. Ajude-me a permanecer escrevendo! 🙂

Participe do Grupo do Telegram 1
294 Shares:

Deixe uma resposta

Você também pode gostar: